Solidariedade

Rotários lançam campanha para ajudar alunos carenciados

Rotários lançam campanha para ajudar alunos carenciados

O Distrito 1970 de Rotary Internacional quer angariar computadores e tablets para que alunos mais carenciados cumpram as tarefas escolas. Desde o início da pandemia foram já doados mais de 100 computadores e tablets a alunos e idosos.

O Distrito 1970 de Rotary Internacional lançou em janeiro a campanha "Ensino para Todos", que visa ajudar os alunos mais carenciados, dotando-os de ferramentas tecnológicas necessárias para conseguirem sucesso nos estudos, numa altura em que o país está novamente confinado.

Para ajudar, basta que qualquer pessoa ou empresa possa doar equipamentos ainda válidos, mas sem utilização, ao Rotary que depois se encarrega de os entregar a quem mais precisa através da parceria com escolas, autarquias e instituições locais.

"Este projeto permite num contexto de pandemia a oferta de computadores e tablets novos ou em segunda mão para utilização na educação de crianças e jovens sem possibilidades de cumprir algumas tarefas escolares, por não terem acesso a um computador ou um tablet", explicou em comunicado Sérgio Almeida, da organização.

Esta não é a primeira vez que o Distrito 1970 de Rotary Internacional se associa a parceiros locais para criar iniciativas solidárias durante a pandemia.

Os clubes de Ílhavo, Arouca e Porto do Distrito 1970 de Rotary já tinham conseguido, nos últimos meses, com apoio de empresas e instituições de solidariedade, doar 100 computadores e tablets a alunos e seis tablets para crianças com autismo.

A ajuda também chegou aos idosos, nomeadamente aos utentes do Centro Social e Paroquial de Alfena, através do Rotary Club de Ermesinde, a quem foram doados tablets e computadores para a realização de várias atividades, como jogos e leitura, bem como o contacto com familiares.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG