Nacional

Primeiro transplante triplo de rins entre famílias

Primeiro transplante triplo de rins entre famílias

Três doentes, três dadores. Três rins colhidos em simultâneo e transplantados logo de seguida, com uma viagem de 300 quilómetros assegurada por militares da GNR. O primeiro transplante cruzado triplo de rins foi realizado, em simultâneo, na semana passada, em hospitais do Porto e Lisboa.

Três insuficientes renais receberam o órgão de que tanto precisavam de um familiar que se disponibilizou a doar. A novidade aqui é que o dador não deu o rim ao seu familiar, mas a outro doente que, por sua vez, tinha um parente que cedeu um órgão a um terceiro doente. E o familiar deste terceiro doou ao primeiro. A doação não foi feita entre familiares porque não eram compatíveis e foi preciso cruzar pares para concretizar o transplante com dador vivo.

Leia mais na versão e-paper ou na edição impressa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG