Exclusivo

Segurança Social ainda não sabe quantos bebés ficaram sem creche gratuita

Segurança Social ainda não sabe quantos bebés ficaram sem creche gratuita

Famílias têm dois formulários no site para sinalizarem interesse e exporem dúvidas. Já há instituições a pedir ao Governo para alargarem oferta e reconverterem espaços.

A Segurança Social quer saber quantas famílias não conseguiram vaga numa creche da rede social e solidária. Foram disponibilizados dois formulários online para os pais sinalizarem o interesse e tirarem dúvidas. A intenção é agilizar o processo de procura e determinar quantas vagas terá de contratualizar com o setor privado quando não houver lugar no setor social.

O formulário "permitirá compreender onde as famílias estão a sentir mais dificuldades em encontrar vagas na rede solidária", explica ao JN o gabinete da ministra Ana Mendes Godinho. O objetivo é a Segurança Social dar indicações, em parceria com as instituições do setor social, onde há lugares disponíveis "e em caso de inexistência poder então autorizar uma vaga no setor privado".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG