Exclusivo

Surto mortal de legionela ainda sem origem conhecida

Surto mortal de legionela ainda sem origem conhecida

Matosinhos, Vila do Conde e Póvoa de Varzim no centro da contaminação. Torre de refrigeração pode ser a fonte.

Um surto de legionela cuja origem ainda está por determinar já infetou 50 pessoas e fez cinco mortos em Vila do Conde, na Póvoa de Varzim e em Matosinhos. O caso traz à memória a situação de Vila Franca de Xira, em 2014, onde houve 12 óbitos. Autarcas e população estão em sobressalto. As autoridades de saúde continuam a tentar identificar a origem do surto. Segundo apurámos, a fonte considerada mais provável será uma torre de refrigeração entre o sul do concelho de Vila do Conde e o norte de Matosinhos. Uma tese que o infecciologista Jaime Nina considera fazer sentido.

Os infetados são quase todos idosos, entre os 80 e os 90 anos (à exceção de um homem de 59 anos) que, assustados com a covid-19, pouco saem de casa. A maioria reside em Vila do Conde e Matosinhos, mas o surto estendeu-se à Póvoa de Varzim e há um caso em Esposende.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG