Premium

Todos os dias estão a morrer 17 pessoas por demência

Todos os dias estão a morrer 17 pessoas por demência

Óbitos não param de aumentar, verificando-se um crescimento de 70% desde 2013. Maioria tem mais de 80 anos, é do sexo feminino e vive no Norte. Envelhecimento do país entre as causas.

Numa altura em que se prevê que, dentro de 30 anos, duplique a população com demência no nosso país, os mais recentes dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) mostram que os óbitos por aquela doença não param de aumentar. Em 2018, as demências foram a causa de morte de 6323 pessoas. São 17 óbitos por dia. Mais do que, por exemplo, a pneumonia ou a diabetes.

De acordo com os dados facultados ao JN pelo INE, do total de óbitos registados em 2018, mais de dois terços estavam classificados como "demência não especificada", seguindo-se a doença de Alzheimer, com 1689 mortes, e, por fim, a demência vascular (376).

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG