Exclusivo

Um quarto dos doentes oncológicos operados fora do prazo aceitável

Um quarto dos doentes oncológicos operados fora do prazo aceitável

Resposta hospitalar melhora face a dezembro. Rastreios ao cancro da mama estão em mínimos.

Apesar da recuperação da atividade face a dezembro último, no primeiro trimestre deste ano 25% dos doentes com neoplasia maligna inscritos para cirurgia estavam já fora do tempo máximo de resposta garantido (TMRG). Ao nível dos rastreios oncológicos, desde 2014 que não havia registo de tão poucas mulheres com mamografia e papanicolau em dia.

De acordo com as informações disponibilizadas ao JN pela Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), no primeiro trimestre deste ano foram operados 13 773 doentes oncológicos. Sendo que dos 5804 utentes com neoplasia maligna que aguardavam cirurgia no final de 2020, cerca de dois terços foram intervencionados nos primeiros três meses deste ano.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG