Exclusivo

Montenegro e Moreira da Silva: unidos pelo reformismo no PSD mas separados pelo Chega

Montenegro e Moreira da Silva: unidos pelo reformismo no PSD mas separados pelo Chega

Luís Montenegro quer transformar o PSD na "casa dos não socialistas" e captar votos à direita, ou seja, também ao Chega. Jorge Moreira da Silva recusa e avisa que no partido não "cabem racistas". O que os separa nas moções que levam às diretas do dia 28.

Os dois defendem reformas profundas no PSD e no país, desde o sistema político à fiscalidade. Também prometem ganhar todas as eleições. Mas é precisamente na estratégia eleitoral que mais se distinguem. Luís Montenegro quer transformar o PSD na "casa dos não socialistas" e captar votos à direita, ou seja, também ao Chega. Jorge Moreira da Silva recusa e avisa que no partido não "cabem racistas, xenófobos e populistas". Um deles será o novo líder do PSD a 28 de maio.

PARTIDO

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG