Premium

Venda de fármacos para deixar de fumar subiu 11%

Venda de fármacos para deixar de fumar subiu 11%

O stress e a ansiedade do confinamento terão levado a aumento no consumo, mas fumadores também podem ter tentado fazer vida mais saudável.

Nos primeiros três meses deste ano, os portugueses consumiram 57 637 embalagens de medicamentos para deixar de fumar. Mais 11,7% (5980) do que no mesmo período de 2019. Segundo os números facultados pela Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) ao JN, a substância mais utilizada foi a nicotina, vendida sem receita médica, seguindo-se a vareniclina e o bupropiom, ambos sujeitos a receita.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG