O presidente do Sindepor está em greve de fome, após o Governo ter anunciado a marcação de falta injustificada aos enfermeiros em greve. Os profissionais juntaram-se à porta dos hospitais em solidariedade.

Protesto

Enfermeiros em solidariedade com Carlos Ramalho na hora de almoço

Enfermeiros em solidariedade com Carlos Ramalho na hora de almoço