Dança

Voto de louvor no Parlamento para bailarinas portuguesas

Voto de louvor no Parlamento para bailarinas portuguesas

O CDS-PP vai apresentar na sexta-feira um voto de louvor, na Assembleia da República, às bailarinas portuguesas medalhadas no Dance World Cup 2018, que se disputou em Barcelona, Espanha.

Entre centenas de escolas de 48 países de todo o mundo o Conservatório Internacional de Dança Annarella Sanchez, de Leiria, obteve 28 medalhas na competição - 13 de ouro, 11 de prata e quatro de bronze.

A escola portuguesa foi a segunda instituição a conquistar mais medalhas, depois da JBC/Cia EDMB de Espanha com 29 medalhas, mas no capítulo das medalhas de ouro o Conservatório Internacional de Dança Annarella Sanchez obteve a primeira posição. A The Vale School of Dance (Inglaterra) somou nove medalhas de ouro e prata exe quo com a JBC/Cia EDMB (Espanha).

O Conservatório Internacional de Dança Annarella Sanchez teve uma participação histórica no Dance World Cup, que se realizou em Sitges, Barcelona, entre os dias 22 e 30 de junho, incluindo duas bailarinas que conquistaram o prémio de melhores solistas de toda a competição (Margarita Fernandes e Matilde Rodrigues) nos escalões Children e Júnior, respetivamente.

Segundo a organização, "com estes resultados o Conservatório Internacional de Dança Annarella Sanchez contribuiu de uma forma decisiva para o terceiro lugar alcançado por Portugal em toda a competição".

O Dance World Cup destaca-se por reunir num só evento quase todas as modalidades da dança, desde o ballet clássico, contemporâneo, hip-hop, street dance, acro dance, jazz, sapateado, comercial, folclore nacional e, pela primeira vez, em 2019 irá ter danças de salão, num evento que se realizará pela primeira vez em Portugal, no Fórum Braga.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG