O Jogo ao Vivo

Newsletter Editorial

Suspiros de Sporting e Benfica não são iguais

Suspiros de Sporting e Benfica não são iguais

Fim da novela em Alvalade e nova má notícia para o Benfica.

Ainda que precoce, um clássico é sempre um clássico. O sempre quente Benfica - F. C. Porto, que terminou com uma vitória categórica da equipa azul e branca, não só mostrou que o favoritismo não entra nas quatro linhas, como também que o futebol pode mudar de uma semana para a outra. Depois de um arranque complicado no mundo azul e branco, com uma derrota na primeira jornada da Liga e uma eliminação na Liga dos Campeões, a equipa de Sérgio Conceição foi à casa de um rival que respirava confiança impor uma exibição que não deixou margem para dúvidas e deixar mossa aos encarnados antes de um embate frente ao Braga.

E como um mal nunca vem só, além de ter de lidar com o sabor amargo da derrota, o Benfica vai ainda ter de lidar com uma ausência: Chiquinho. O médio dos encarnados, que saiu do encontro lesionado, é baixa, no mínimo, até outubro, depois de sofrer uma desinserção do tendão médio adutor.

No seio leonino, o Sporting regressou à liderança do campeonato depois de vencer o Portimonense. O clube de Alvalade volta a dizer olá a um lugar que não ocupava havia dois anos e diz adeus a um dos maior goleadores que alguma vez passou pelo emblema leonino: Bas Dost. Depois de uma longa novela, o avançado holandês assinou finalmente pelo Eintracht Frankfurt, da liga alemã, por sete milhões de euros, mais um valor variável por objetivos.

E como o futebol é também feito de histórias, Cruyff, que foi jogador e treinador do Barcelona, foi marcante nas duas funções e, três anos depois de falecer, tem uma estátua à altura da importância que teve em Camp Nou. Sérgio Conceição mostrou-se, uma vez mais, atento ao que o rodeia e fez questão de dar as boas vindas a Sinisa Mihajlovic. O ex-treinador do Sporting está a lutar contra uma leucemia, que lhe foi diagnosticada no mês passado, mas nem assim perdeu a estreia do Bolonha no principal campeonato italiano.

De boné, de cabelo rapado e com um penso no pescoço por causa dos tratamentos, Mihajlovic foi ao jogo e o momento não passou em claro a Sérgio Conceição, que foi companheiro de equipa do sérvio na Lazio. "Melhor sensação do Mundo! Bem-vindo de volta, meu amigo", escreveu o técnico do F. C. Porto nas redes sociais.