Newsletter Editorial

Os dias da escalada da pandemia

Os dias da escalada da pandemia

O primeiro dia do novo período de confinamento imposto por causa da pandemia de covid-19 está marcado pela escalada de infeções pelo coronavírus SARS-CoV-2 e pelas consequências dramáticas da tormenta.

A confirmar as previsões dos especialistas de que a situação pandémica vai agravar-se está a crueza dos registos oficiais: há mais 10 663 casos confirmados e um número recorde de óbitos - 159 - em 24 horas. Nos três últimos dias, tem sido superada a barreira dos dez milhares.

A incidência da doença duplicou nas duas últimas semanas, com Portugal a registar 901 casos por cada 100 mil habitantes, levando especialistas como Constantino Sakellarides a alertar para a "falência da Saúde Pública".

A pandemia e as medidas de precaução e mesmo de verificação estão a condicionar fortemente a campanha em curso para a eleição do Presidente da República.

O Presidente cessante e recandidato ao cargo, Marcelo Rebelo de Sousa, está no centro das atenções - seja pelas críticas e apreciações dos adversários, seja pela sua singular "relação" com a pandemia, sendo mesmo um recordista em testes ao agente causador da covid-19. Em dez meses, foi submetido a mais de 80.

Se, como diz o provérbio, longo é o braço da Justiça, não menos extenso e nocivo ao regular funcionamento dos próprios tribunais é o do aludido "bicharoco". É exemplo a notícia de que o julgamento do caso do furto de material de guerra dos paióis militares de Tancos foi hoje suspenso, pelo menos até ao dia 26.

PUB

Dá-se o caso de um dos advogados do processo ter registado um teste positivo ao SARS-CoV-2, tendo as autoridades sanitárias ordenado aos participantes na audiência do dia 5 a medida de isolamento profilático, o que inclui os três juízes, um procurador e um funcionário judicial.

Mas nem só das más notícias da covid vive a informação sobre o setor da saúde. Na Assembleia da República, foram aprovadas quatro propostas de resolução para pressionar o Governo a concretizar a gratuitidade das bombas de insulina para os diabéticos maiores de 18 anos.

Por falar em pressões, há uma notícia internacional a justificar atenção: o seguimento do histórico episódio do assalto ao Capitólio, no dia 6, instigado pelo presidente cessante dos Estados Unidos da América, Donald Trump.

Os procuradores que conduzem o processo têm a convicção de que os atacantes - apoiantes declarados de Trump e muitos deles rostos identificados com a extrema-direita - pretendiam assassinar congressistas e não "apenas" boicotar a confirmação da votação que fez eleger Joe Biden.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG