JN
DESPERTAR
24/09/2022
 
Nacional     Local     Justiça     Mundo     Desporto     Pessoas     JN Direto
 
 
JN
 
 ONU 
 China pede à Ucrânia e à Rússia para não deixarem "transbordar" o conflito 
 
 
 
 
Irão
Mahsa conquista empatia dos iranianos que lutam nas ruas contra as autoridades
 
 
 
Nogueira
Morreu idosa atropelada em lar de Braga 
 
 
 
Serralves
Cornudos, peludos e palha pelos ares
 
 
 
Exclusivo
Transplantada espera há quatro anos por casa social em Gondomar
 
 
 
Exclusivo
Guerreiros deixam Dragão em estado de alerta
 
 
 
Florida
NASA volta a adiar lançamento de foguete lunar. Agora por causa de furacão
 
 
PUB
 
 
A não perder
 
Estado indemniza turista que caiu na Ponte Luís I
 
 
 
 
JN
 
 
Pedro Ivo Carvalho
 
Crianças torturadas e violadas
 
Aqueles que, nos últimos sete meses, e graças a um admirável contorcionismo intelectual, foram encontrando justificações para a invasão russa da Ucrânia, indiferentes às barbaridades perpetradas pela máquina de guerra de Putin, certamente que ficaram cobertos de vergonha (havendo neles essa réstia de humildade) perante os dados revelados pelo Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas. Nenhuma guerra é justa, e todas se alimentam do sangue do inimigo, mas a lista de horrores atribuída aos soldados russos (muitos dos quais jovens) é reveladora da ideia de extermínio e erradicação social e cultural que sempre esteve subjacente a um conflito lançado por um autocrata que se tornou ainda mais perigoso agora que está ferido na honra e encurralado na estratégia.
 
 
 
JN
 
Futsal
 
Sporting embalado pela história na Supertaça, Benfica pelos reforços
 
 
F. C. Porto
 
Francisco J. Marques exige "respeito" após comentários na Eleven sobre Taremi
 
 
Futebol
 
Ronaldo ficou a sangrar após choque com guarda-redes checo
 
 
 
JN de Hoje
 
Capa Edição do Dia
 
ASSINAR JORNAL DIGITAL
 
 
Apple App Store   Google Play
 
 
 
PUB
 
 
 
Partilhe estas notícias com os seus amigos
 
Facebook    Twitter    Email
 
 
Leia as Últimas Notícias   Subscreva as nossas Newsletters
 
 
Jornal de Notícias 2022 © Todos os direitos reservados
Rua de Gonçalo Cristóvão, 195, 4049-011 Porto
Recebeu esta newsletter porque se encontra registado em www.jn.pt
Se a recebeu por engano, pode anular a subscrição aqui.