Premium

O cabelo também é o espelho da nossa saúde

O cabelo também é o espelho da nossa saúde

O que acontece no topo da cabeça é um indicador do que se passa dentro do corpo. Um sinal de doenças e comportamentos inadequados. O stress e a ansiedade são dois inimigos de peso.

A aparência não é apenas um fator externo, tem muito que se lhe diga, tem muito a contar para lá da camada mais superficial da epiderme. O cabelo, essa moldura do rosto, pode ser revelador do que se passa dentro do corpo. O seu aspeto não é resultado exclusivo dos tratamentos que recebe em casa, na cadeira do cabeleireiro, ou do ambiente que o rodeia. Há situações e condições que explicam o que se passa em cima da cabeça. "O nosso cabelo diz muito sobre o nosso estado de saúde", garante Susana Vilaça, coordenadora da Unidade de Dermatologia do Hospital Lusíadas do Porto.

Há avisos visíveis e outros mais subterrâneos. A queda acentuada de cabelo é sinal de que algo não está bem. Pode acontecer depois de um parto, após uma intervenção cirúrgica, pode revelar défices de vitaminas e proteínas. Pode indicar que o corpo precisa de ferro, por exemplo. Ou pode sugerir que a tiroide não está a funcionar como devia ou aparecer associada a uma doença inflamatória ou mesmo cancerígena. O cabelo é como uma espécie de termómetro. Um espelho do corpo e da alma.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG