Opinião

A transição digital e a experimentação

A transição digital e a experimentação

A transição digital em curso tem tido impacto na economia, na indústria e na sociedade. Vivemos uma verdadeira revolução industrial, alimentada pela conectividade permanente e pelos avanços tecnológicos em vários campos - incluindo a inteligência artificial, a robótica e a ciência de dados.

Mas a força transformadora da digitalização também se sente no próprio processo de transição digital, criando uma espiral acelerada de inovação.

Como melhor dirigir esta força transformadora é uma questão central que se coloca à nossa sociedade. A transição digital exige a exploração e experimentação contínua de novas soluções para os diferentes setores, idealmente em colaborações que envolvam a indústria, a academia e a sociedade - porque a criação de tecnologia, a criação de conhecimento e o serviço à sociedade devem estar associados.

A Huawei, a Universidade de Aveiro e o Instituto de Telecomunicações estão a criar um laboratório de experimentação de Tecnologia 5G e Inteligência Artificial, que vai beneficiar a sociedade e fomentar a criação de valor acrescentado e a competitividade das empresas.

O novo Laboratório 5GAIner, que é inaugurado em Aveiro no dia 16 de novembro, pretende proporcionar as condições necessárias para testar novos conceitos e avaliar o desenvolvimento de produtos que possam ser explorados para atividades concretas de investigação, inovação e desenvolvimento industrial.

Numa primeira fase, o impacto sentir-se-á em projetos de investigação existentes na região, na área das comunicações 5G. Posteriormente, alargar-se-á o esforço a projetos de âmbito nacional e internacional adaptados às necessidades do nosso país.

PUB

Esta infraestrutura laboratorial tem um valor inestimável para o avanço da investigação e para a capacitação de recursos humanos no setor, com profundos benefícios para a região de Aveiro e para o país. Inovar ao serviço da indústria e da transição digital na sociedade é um passo na direção certa - a direção do futuro.

Vale a pena considerar.

*Reitor da Universidade de Aveiro

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG