O Jogo ao Vivo

Opinião

#desapontados

Já foi uma ponte pedonal em aço inoxidável mesmo ao lado da Luís I (quem se lembra o que aconteceu em 2000?).

Já foi outra ponte pedonal, 500 metros ao lado, uma travessia suspensa que ficava por pouco mais de dez milhões (E em 2006?). Já foi outra ponte pedonal, semelhante à anterior, mas com o ligeiro pormenor do preço duplicar. E outra, para carros, entre o Areinho de Oliveira do Douro e a marginal do Porto. E outra ainda, entre a Alameda Basílio Teles e o Cais do Cavaco. E um túnel sob o rio Douro (ponte de exclamação) entre Lavadores e o Castelo da Foz (havia euromilhões em 2012?). Algures por estes anos também já foi a ponte do Gólgota, para carros e metro. E mais uma entre a Alfândega e o Cais de Gaia, a juntar a outra pedonal, entre Massarelos e o Cais do Cavaco (2008 é tão longe!). Agora nem a ponte do bispo resiste. É uma boa ideia, não foi? Mais vale não fazer. Tantas pontes e todas tombam antes de sair do papel. Não são mentiras. São ambições. As ambições não mentem. E o povo já nem fica desapontado. No meio disto tudo, podiam pelo menos arranjar um lar de terceira idade em condições para a Ponte Maria Pia. Tão velhinha e nem uma mantinha para aquecer os pés.

*Jornalista

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG