Opinião

#doismaisquê

Quantos são dois mais dois? Uma corrente determinista mais ortodoxa dirá que são quatro. O que essa anacrónica estirpe filosófica esquece é que o dois (qualquer um deles) pode identificar-se com um três.

Ou com uma cadeira. Quanto será uma cadeira mais dois? São contas difíceis de fazer. Seja para um marceneiro, seja para um matemático. A Matemática, aliás, enquanto ciência exata tem os dias contados. Não tardará e identifica-se com a Biologia. Eu, que sou uma pessoa simples, prefiro um bife. Tem é que ser tenro. E que se identifique com um bife. Não há nada pior do que um indivíduo pedir no restaurante um belíssimo prego no prato e engasgar-se com uma espinha porque o raio do bife se identifica com uma faneca. O peixe é bom no mar. E eu não sei nadar. Para o prego ainda tenho martelo. Para a água faltam-me as barbatanas.

*Jornalista

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG