O Jogo ao Vivo

Opinião

#Praiómetros

Nunca gostei muito de praia. Se não tivesse água nem areia até seria um lugar agradável para passar uns momentos relaxantes. Mas assim não.

E agora, para deteriorar ainda mais a situação, a praia vai ter semáforos. Tendo em conta o comportamento geral no trânsito, temo o pior. Já estou a ver a malta a correr desenfreadamente quando vê o semáforo da praia a mudar de amarelo para vermelho. Uma corrida e ainda dá para passar. Com jeitinho dá sempre para passar mais um ou dois. E se for preciso esperar, porque não esperar em segunda fila? Banhistas em segunda fila, quatro piscas ligados, a embarrilar a circulação nos passeios, a dizer que é só um bocadinho, que não demoram nada. Nem tudo é mau, ainda assim. Há oportunidades de negócio que se abrem: colocar parcómetros nos quadrados destinados a cada banhista. Praiómetros. Quer ficar mais um bocado? Toca a meter uma moedinha. Não pagou? Sai um aviso fresquinho, sem creme para não estragar. Continua sem pagar? Multa! Bloqueio de uma perna e reboque! No meio da confusão, há ainda vaga para os arrumadores: "Venha! venha! Aqui! Tem lugar aqui! Isso, deite-se assim, mais para a esquerda, torça tudo à esquerda, pronto! Im-pe-cá-vel!"

*Jornalista

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG