Opinião

O que é o betão?

O que é o betão?

Em nome do que os jornais representam na sociedade quero saudar dois nomes grandes do jornalismo. Um deles nunca conheci, porque desapareceu recentemente do mundo dos vivos. O outro é meu amigo.

Otávio Frias Filho, jornalista, dramaturgo e ensaísta, durante 34 anos, ocupou o cargo de diretor de Redação da Folha de São Paulo. Nesse período, a Folha, como é conhecido no Brasil, tornou-se o maior e mais influente jornal brasileiro e uma das referências do jornalismo universal.

O segundo é Sérgio Dávila, conheci-o há anos e, mais recentemente pelo meu trabalho como diretor na Global Media para a internacionalização, pude privar com ele.

Foi o Sérgio quem, pela primeira vez na comunicação social de língua portuguesa, tirou ao facebook os conteúdos da Folha, dando um exemplo que todos os jornais do mundo deviam seguir. O mesmo canal das notícias verdadeiras não pode ser o mesmo das falsas.

Hoje entrego esta crónica, in memoriam, a uma história do que o jornalismo deve ser, tirei-a das palavras que Sérgio dedicou a Otávio. Daqui para a frente esta crónica é dele.

"Otávio achava saudável que o comando do jornal tivesse, sempre que possível, contato direto com a notícia, sem intermediações. Fomos a Belo Monte, então em fase final de construção; para as obras da Olimpíada do Rio de Janeiro; para Suape, em Pernambuco; e para uma das piores favelas de São Paulo em termos de condições de vida.

Uma cena em Altamira, no Pará, ilustra o que eu quero dizer. Estávamos numa caminhonete no meio da autoestrada transamazónica. Um dos engenheiros responsáveis pela construção da usina era quem dirigia o carro, estando Otávio no banco do passageiro e eu no de trás.

Num percurso de duas horas, Otávio deve ter feito cerca de cem perguntas ao pobre homem.

O engenheiro suava, dirigia a "caminhonete" na parte de terra da estrada e respondia bravamente às questões, todas pertinentes.

Elas iam, na imagem que Otávio gostava de usar, "da floresta para a árvore": de dúvidas mais gerais, como orçamento, às mais específicas, como o cardápio dos operários nas cantinas e os diferentes usos do betão.

Já perto de chegarmos ao canteiro de obras, houve um breve silêncio. O engenheiro pensava ter dado conta da missão. Mas veio a pergunta final: "O senhor pode me dizer uma última coisa? Afinal o que é o betão?"

ver mais vídeos