Opinião

#tronos

Na "Guerra dos Tronos" há mortos que ressuscitam e mortos que se tornam em fantasmas de gelo, há decapitados, sangue, incesto, traição, seres com mais força do que cérebro, dragões, reis e rainhas.

E territórios disputados, sede de poder, mais inimigos do que amigos. É ficção, já nem sei se da boa, mas para quem viu as sete temporadas e ficou com a sensação de uma grande embrulhada, vai querer ver a última. Não sei se vou recusar o sono na estreia no dia 15, mas a verdade é que estou curiosa. O que eu queria é que não me faltasse o sono perante a continuação da "saga familiar" que está a deixar engasgado quem nomeou ou escolheu parentes ou amigos para cargos públicos. Neste e em outros governos. É um enredo sem fim, sempre com personagens novos ligados às mesmas pessoas. Prefiro os enredos da "Guerra dos Tronos". Ao menos sei que acaba na próxima temporada. Já os empregos...

*JORNALISTA