Imagens

Últimas

Paulo Mota Pinto

Aumentar o número e os salários dos funcionários públicos

O primeiro-ministro anunciou que pretende na próxima legislatura aumentar o número e os salários de funcionários públicos. A esta proposta não é estranha, além da aproximação das eleições, a tentativa de responder ao mau funcionamento de serviços públicos que tem sido patente nos últimos anos, devido ao estrangulamento financeiro dos serviços e à redução das horas de trabalho semanal na função pública (em comparação com o setor privado).

Paulo Mota Pinto

O medo da greve livre

Alguns dos protestos que Portugal tem vivido nos últimos meses deram origem a curiosas críticas feitas por parte de analistas e de políticos, maioritariamente situados à Esquerda. Diz-se que se trata de movimentos e de protestos ditos "inorgânicos". Quer com isso dizer-se que não são controlados politicamente, ou por nenhuma central sindical - isto é, são independentes e não sob obediência de nenhuma motivação política ou ideológica. Limitam-se a pretender defender os interesses dos trabalhadores em causa.