Bancada JN - Brasão abençoado

As vantagens do VAR

O que levará dois profissionais, um deles com a mais sofisticada tecnologia ao seu dispor e sentado calmamente numa poltrona, a não querer ver o que um país inteiro viu?

Mesmo socorrendo-me de todo o meu otimismo na condição humana, não consigo levantar a hipótese de apenas aqueles dois cidadãos não terem visto aquele penálti sobre o Marega. Não sei porque não quiseram ver, mas sei quem saiu beneficiado e prejudicado com essa decisão.

Uma das pessoas que se recusaram a aplicar a Lei foi a mesma que levou seis minutos a analisar um lance impossível de discernir. Sejamos claros, três centímetros em fora de jogo corresponde a um nano segundo na definição do momento da saída da bola dos pés do jogador que fez o passe e/ou um posicionamento milimétrico da linha que estabelece o possível impedimento. É impossível ultrapassar a dúvida, logo, e como estabelece a lei, tem de ser beneficiado quem ataca. No entanto, o VAR quis, mais uma vez, prejudicar um clube e beneficiar outro.

Fui e continuo a ser contra o VAR, mas tenho de lhe reconhecer uma vantagem: fica tudo transparente. Os critérios e as vontades, sobretudo. Um lance de indiscutível penálti como o que foi marcado a favor do Benfica em Setúbal traria obrigatoriamente vários em cada jogo; porém, aquele foi marcado e, claro, noutros jogos não se assinalam. No mesmo sentido, ficou absolutamente cristalina a vontade de quem estava no VAR no jogo do brasão abençoado.

As duas últimas jornadas deixaram tudo às claras. Infelizmente, estou convencido de que a pouca vergonha vai continuar, nos moldes exibidos e noutros de outra dimensão. Temos de estar mais unidos do que nunca.

O F. C. Porto não fez um jogo brilhante contra o Rio Ave, mas os jogadores mostraram uma vontade, uma garra e uma determinação própria de quem veste aquela camisola. Para ganhar este campeonato, vão ser essas as qualidades mais necessárias. Força, rapazes.

Os jogos do próximo fim de semana vão ser à porta fechada, com isso o futebol perde grande parte da sua magia. Infelizmente, não me parece que as próximas semanas tragam boas novas. Ou muito me engano ou vamos, em breve, ter o campeonato suspenso.

*Adepto do F. C. Porto

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG