O Jogo ao Vivo

Opinião

Sem critério

A Liga e a Federação não parecem genuinamente interessadas em tornar o futebol nacional mais justo e mais competitivo.

Pelo contrário, a manutenção e densificação do status quo dos três clubes mais poderosos tem sido o resultado mais evidente das suas políticas. Os episódios sucedem-se e denunciam que não existe qualquer critério para além da defesa dos interesses instalados.

A centralização dos direitos televisivos é um instrumento que reconhecidamente poderia aumentar a competitividade do futebol nacional, reduzindo o fosso gigante entre os três clubes mais poderosos e os restantes. Ao contrário do que se pensava, a proposta da Liga foi desenhada para manter o privilégio de três, dedicando 25% das receitas para a "expansão da marca" e 25% para o desempenho desportivo. Esta fórmula perpetua a desigualdade e introduz arbitrariedade numa distribuição que deveria ser transparente e equitativa. Qual é o critério?

PUB

As decisões dos órgãos disciplinares da Liga e da Federação são outro problema. Soube-se agora que o Vitória de Setúbal irá jogar à porta fechada pelo comportamento dos adeptos. Estranha-se que este tipo de castigos nunca se efetive para os três clubes que sistematicamente estão envolvidos em problemas com adeptos. Qual é o critério?

Finalmente, o jogo de Portimão. A grande penalidade assinalada contra o Braga e as duas expulsões (muito convenientes) do final do jogo contrastam com os três lances ostensivos em que se esqueceram de marcar penálti a favor do Braga desde o início da época. Qual é o critério?

A subir
Mesmo com graves erros de arbitragem, o Braga voltou às vitórias e manteve o terceiro lugar.

A descer
O Mundial do Catar envergonha a FIFA, as seleções participantes e os governos que parecem ter receio de tomar ações em defesa das mulheres, dos trabalhadores, dos imigrantes e das pessoas LGBTQ que veem os seus direitos diariamente violados naqueles país. Espera-se muito mais da seleção nacional e, sobretudo, do Governo português.

*Adepto do Braga

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG