O Jogo ao Vivo

Bancada JN

O homem do "quinzazero"

O homem do "quinzazero"

Um humorista protagonizou, um dia, aquele que foi um dos seus mais geniais sketchs, apesar do personagem ser um benfiquista e com o Benfica não se brincar!

Nesse sketch, nas bancadas da Luz, é pedido um prognóstico para o jogo. "Quinzazero! Quinzazero "pó" Benfica. Quem vai marcar vai ser o......o jogador!", lembram-se?

A candidatura (ou melhor, o candidato) que esse humorista apoia veio afirmar que copiou "uma ideia" do meu programa. O mesmo candidato explicou, depois, que, afinal, copiou "várias ideias" do meu programa.

O estranho disto tudo é alguém querer brincar aos presidentes sem ter passado para isso, sem nada saber sobre o Benfica, apenas e tão-só por se ter prestado a ser escolhido para prestar esse serviço!

O mesmo candidato que se recusa a debater o que quer para o Benfica, escondendo-se atrás das recusas mais do que previsíveis do atual presidente. Uma ausência de debates tão fácil de explicar: um nada sabe do Benfica, o outro não pode falar do que sabe que tem feito no Benfica!

Da minha parte, repito o desafio que lancei há 50 dias aos meus adversários às eleições da próxima semana: venham debater!

Quem, enquanto ainda presidente do Sport Lisboa e Benfica, recusa debater - embora falte à verdade, como o fez na RTP, dizendo: "Nunca me recusei a debater" -, é porque sabe que não tem defesa possível em situações como, por exemplo, a "pareceria estratégica", os títulos desportivos perdidos ou as relações de amizade com a Olivedesportos.

PUB

Já Noronha Lopes proclama uma e outra vez que não debater é um desrespeito aos benfiquistas e ao próprio Benfica e, no entanto, recusa debater mesmo quando éramos quatro candidatos e só um (Luís Filipe Vieira) se recusava participar.

Uma televisão nacional chegou a ter um debate agendado para 29 de outubro, véspera das eleições, mas seria inútil fazer tal programa quando esses dois candidatos, duas faces da mesma moeda, recusaram debater o futuro do Benfica: um porque não pode, o outro, o homem do quinzazero, porque não sabe. Tal como no sketch: "E acha que não vai haver um tratador de relva que vai marcar um golo?", à pergunta do personagem/jornalista, também ele poderia responder: "Também vai, um, mas o árbitro anula, são uns gatunos. Quinzazero, quinzazero!". Uns gatunos...

A subir

As convicções, as ideias e o projeto para o Benfica da lista D, porque o Benfica é nosso!

A descer

Os insultos dos responsáveis da Lista B, a mim e ao ainda presidente, porque isto de não os ter e ser obrigado a apresentar resultados a quem investe... não é só nas multinacionais!

*Adepto do Benfica

Outras Notícias