BENFICA NO CORAÇÃO

Presidente eleito com a maioria dos votos

Presidente eleito com a maioria dos votos

Uma das preocupações de alguns dos sócios com quem vou falando para apresentar as minhas ideias para o Benfica 2020/24, tem sido a de achar que - na velha tradição do clube - possa haver uma lista que aparece à última da hora para impedir a vitória de quem se opõe a quem se pretende perpetuar no poder!

Por isso, para que ninguém fique de fora de cada debate eleitoral sobre o futuro do Benfica, proponho, no meu programa, que a eleição só seja conseguida com uma maioria favorável dos votos expressos.

"Sempre que não se verifique a eleição de uma lista com maioria absoluta, na primeira volta, as duas listas mais votadas disputarão uma segunda volta. Defendemos, assim, a pluralidade de candidaturas e a discussão aprofundada das melhores respostas para cada desafio com que o Benfica se tenha de confrontar. Não podemos admitir que, numa primeira volta, as diferentes propostas para o futuro do Benfica não possam ser sufragadas livremente, para, depois, numa ronda final, ter a responsabilidade de dirigir o clube quem recolher a maioria dos votos expressos! E, dessa forma, anularemos as tentativas de fazer surgir candidaturas do nada, para manter quem está no poder! Assumimos que a legitimidade democrática no Benfica tem de ser alcançada com "50%+1 voto".

É isto que queremos!

Será isto que faremos quando ganharmos as eleições, a partir do próximo mês de outubro!

Porque o Benfica é nosso!

A subir

O apoio crescente às ideias que defendo para o Benfica - constantes do programa que apresentei há uma semana - nos contactos que tenho vindo a manter com sócios, por todo o país (seja nas visitas a casas ou em reuniões especialmente organizadas para o efeito)!

A descer

A ideia "peregrina" dos (ainda) responsáveis pela estrutura do Benfica de - na apresentação de Jorge Jesus - mostrarem réplicas de cartão das finais europeias perdidas pelo novo/velho técnico. Como se não bastasse o que os "outros" gozaram, com a sua incompetência, por terem perdido o campeonato e a taça para uma equipa "falida"!

*Adepto do Benfica

Outras Notícias