Opinião

As vacas ainda não voam!

As vacas ainda não voam!

Um destes dias tinha, na caixa do correio, uma carta da Administração Regional de Saúde do Norte, com um ofício que me intimava a pagar a taxa moderadora relativa a uma consulta a que terei faltado no Centro de Saúde. Digo terei porque, confesso-o, não me recordo de a mesma ter sido marcada. Mas isso não é importante para o caso. Diga-se, aliás, que independentemente da minha opinião crítica sobre as taxas moderadoras, estou de acordo que, se não houver justificação forte, quem falta a uma consulta sem o comunicar previamente deve ser penalizado em virtude de estar a tirar a vez a outro. Mas a questão é que a taxa moderadora é de 2,5euro, valor que não paga a despesa da "notificação: envelope, folha A4 impressa e carimbada e assinada por um funcionário, para além do custo do correio. Bem sei que há inúmeras notícias de situações destas, mas na sua maioria são geradas automaticamente e dizem respeito a despesas variáveis - que por vezes podem ser (ridiculamente) pequenas. Mas, neste caso, estamos a falar de um valor fixo, ou seja, todas as pessoas que faltam a uma consulta pagam uma taxa moderadora de 2,5euro e o processo de notificação será este, sempre mais caro do que o seu valor, o que se traduz em prejuízo para o Estado, ou seja, para todos nós. Mas o absurdo continua com as formas de pagamento que nos são proporcionadas: passar no centro de saúde ou enviar pelo correio cheque ou vale de correio, "acompanhado de cópia do ofício para posterior envio de recibo"!... Arre que é de mais!

Também por esta altura, modernaço como sou, tentei entregar, via Internet, a declaração do Modelo 10 no Portal das Finanças. E, mais uma vez, os problemas informáticos sucederam-se. Tenho instalado os navegadores habituais - o Mozilla Firefox, o Chrome, o Microsoft Edge (desculpem os "palavrões") - mas nenhum com versões compatíveis com o software disponibilizado pelas Finanças para o preenchimento do Modelo 10... Tendo que recorrer ao velhinho Internet Explorer para o conseguir fazer...

Bem sei que muita coisa melhorou e admiro aqueles que têm vindo a trabalhar na desburocratização dos procedimentos da Administração Pública. Mas, ao contrário do que diz António Costa, as vacas, de facto, ainda não voam...

ENGENHEIRO

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG