BANCADA JN - Coração de leão

A circulação de árbitros e a tristeza do nosso futebol

A circulação de árbitros e a tristeza do nosso futebol

Volto hoje a falar da arbitragem portuguesa no futebol. Os portugueses são muito bons em algumas modalidades desportivas; somos muito bons no futebol, no hóquei, na vela, no tiro, no atletismo, etc., e somos maus no ténis, no golf, no boxe, no automobilismo, no rugby, etc.

Não vem mal ao mundo sermos uma verdadeira desgraça na arbitragem da bola.

Não estou nada de acordo com o presidente do Benfica em querer árbitros estrangeiros só para os jogos do Benfica (não querias mais nada? E os outros, ficavam com o refugo?). O que eu acho é que a UEFA devia circular os homens do apito por toda a Europa. Não circulam os jogadores? Não circulam os treinadores? Não circulam os técnicos? Qual o problema de um árbitro português estar num Paris Saint-Germain, um inglês no V. Setúbal-Benfica, e um espanhol no Roma-Milão? Mesmo que a UEFA mandasse a factura das viagens e hotéis à Federação Portuguesa (a FPF está cheia de "cacau"), ela pouparia nos onze "tachos" do conselho de arbitragem! Todo o público do futebol lucraria com esta circulação: os desafios passariam a ter muito mais tempo de jogo jogado (é ridículo uma falta por cada 2 minutos!); os jogadores passariam a ser menos "actores" nos contactos físicos, fingindo quedas e, acabariam aquelas cenas lamentáveis de protesto, de um molho de atletas à volta do árbitro sempre que há uma falta. E, "the last but not the least", algumas direções de certos clubes passariam a desconhecer a identidade do árbitro!

O V. Guimarães-F. C. Porto teve cenas lamentáveis de alguns possessos do demónio! Estes asquerosos pensam que a inteligência da raça humana está na cor da pele! Muito bem, a atitude de Marega! E, mais uma vez, vai-se tornando um hábito, o árbitro esteve mal!

O jogo Benfica-Braga. Um grande jogo de futebol! Um Braga de grande nível! E o milagre aconteceu, por obra e graça do espírito santo: o árbitro este bem.

Rio Ave-Sporting. O meu clube cada vez pior. E, sem Mathieu, Acuña e Vietto (Bruno Fernandes já fugiu da tragédia), a jogar assim, nem conseguiriam ganhar ao Grupo Desportivo Pescadores da Caparica!

*Adepto do Sporting
O autor escreve segundo a antiga ortografia

Outras Notícias