O Jogo ao Vivo

BBC

"Acabaram por lhe tirar a vida": William e Harry criticam entrevista a princesa Diana

"Acabaram por lhe tirar a vida": William e Harry criticam entrevista a princesa Diana

Esta quinta-feira, o príncipe William e Harry criticaram a BBC e o jornalista Martin Bashir devido à "forma enganosa" com que obtiveram uma entrevista explosiva com a sua mãe, a princesa Diana, na qual detalhou o seu casamento problemático com o príncipe Carlos em 1995.

As críticas surgiram horas depois de ter sido publicado um inquérito interno independente que concluiu que Bashir usou documentos falsificados para conseguir a entrevista com Diana e que os líderes da BBC não conseguiram investigar adequadamente como a organizou.

Segundo o príncipe William, a entrevista de 1995 foi "uma grande contribuição" para o fim da relação dos pais e que as falhas de supervisão da BBC "contribuíram significativamente para o seu medo, paranóia e isolamento" nos seus últimos anos.

PUB

"É minha opinião firme que este programa Panorama não tem legitimidade e nunca deve ser exibido novamente", acrescentou William. "Isto efetivamente estabeleceu uma falsa narrativa que, durante mais de um quarto de século, foi comercializada pela BBC e outros".

Em comunicado, o príncipe Harry afirmou que o relatório foi "o primeiro passo em direção à justiça e verdade", mas que as práticas enganosas expostas ainda são comuns hoje - e tiveram um papel na morte da sua mãe.

"O efeito cascata de uma cultura de exploração e práticas antiéticas acabaram por lhe tirar a vida", acrescentou.

A princesa Diana e o príncipe Carlos divorciaram-se em 1996, um ano depois da entrevista. A mãe de William e Harry morreu aos 36 anos num acidente de viação em 1997.

BBC pede desculpa

O diretor-geral da BBC, Tim Davie, disse que a emissora aceitou totalmente as descobertas do juiz aposentado John Dyson e ofereceu um "pedido de desculpas completo e incondicional".

"Está claro que o processo de obtenção da entrevista ficou muito aquém do que o público tem o direito de esperar. Lamentamos muito por isso. A BBC deveria ter feito um esforço maior para descobrir o que aconteceu na época e ser mais transparente sobre o que sabia", continuou Davie.

O canal de televisºao também disse que estava a devolver os prémios que o programa ganhou com a entrevista.

Também Bashir desculpou-se, dizendo que a falsificação dos extratos bancários foi "uma coisa estúpida e uma ação da qual me arrependo profundamente". Por outro lado, o jornalista afirmou que "não teve qualquer relação com a escolha pessoal da princesa Diana de participar" e ainda estava "imensamente orgulhoso" da entrevista.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG