Brasil

Cantor Nego do Borel acusado de violar concorrente em reality show

Cantor Nego do Borel acusado de violar concorrente em reality show

O cantor Nego do Borel está a ser acusado de violar a modelo Dayane Mello no reality show brasileiro "A Fazenda". A produtora já reagiu e garantiu estar a tomar todas as medidas necessárias e os patrocinadores do programa pediram a expulsão imediata do concorrente.

O programa "A Fazenda", versão brasileira da "Quinta das Celebridades", está a dar que falar e não pelos melhores motivos. O cantor Nego do Borel está no centro da polémica ao ser acuasdo de violar a modelo Dayane Mello durante a madrugada deste sábado, depois de circularem videos nos quais, alegadamente, a concorrente pede ao músico para parar de tentar um ato sexual.

Depois de uma festa organizada pela produção, Dayane Mello, visivelmente embriagada, foi para o quarto, vestir o pijama com a ajuda de outros concorrentes, e o cantor acabou por se deitar na mesma cama. Segundo o "Globo", MC Gui, Solange Gomes e Tati Quebra Barraco, também participantes do reality show, chamaram a atenção de Nego do Borel para não agir sem o consentimento da modelo e MC Gui chegou mesmo a pedir ao cantor, pouco depois, ao vê-lo escondido por baixo do edredom, para "parar" e para tirarem dali a modelo para "não dar problemas".

As câmaras do programa mudaram o plano e deixaram de filmar o quarto onde se encontrava a dupla e, depois de a produção apagar as luzes, Dayane Mello terá pedido ao cantor para parar. "Eu tenho uma filha. Pára com isso, Nego".

Os telespectadores já pediram a expulsão do cantor e a equipa de Dayane Mello também se manifestou: "É inaceitável. A Dayane estava completamente inconsciente e sem nenhuma faculdade de suas ações. Nada justifica! As devidas providências serão tomadas com imagens, vídeos, falas e ações de tudo que vimos", defendeu.

A equipa da modelo já está, aliás, com a polícia no local onde os concorrentes estão alojados e acusa a produção de dificultar o processo. "A polícia e a equipa jurídica estão à porta da sede de 'A Fazenda' neste exato momento, tentando contacto imediato para que o jurídico e as autoridades possam dar andamento aos trâmites legais do caso. Infelizmente a produção está dificultando a averiguação dos factos. A polícia precisa de entrar na sede para que sejam recolhidas evidências, depoimentos, entre outros", escreveu a equipa nas redes sociais.

PUB

A equipa de Nego do Borel também se pronunciou, garantindo estar a acompanhar a situação. "Estamos a acompanhar as graves acusações feitas contra o participante. Somos totalmente favoráveis ao apuramento de todos e quaisquer factos que ocorram dentro do reality. Não se deve tomar nenhuma conclusão com base em vídeos cortados e áudios embaralhados. Um tema grave como este não pode ser objeto de julgamento na internet", defendeu.

Também a Record TV, produtora do programa, garantiu que "todos os factos estão a ser apurados" e que se vai pronunciar ainda este sábado.

Acusado de violência doméstica

Esta já não é a primeira vez que o nome de Nego do Borel surge envolvido em polémica. O cantor está a ser julgado depois de a ex-namorada, Swellen Sauer, ter apresentado uma queixa por violência doméstica.

Ainda em janeiro deste ano, Duda Reis, outra ex-namorada de Nego, também acusou o cantor de episódios de violência. Segundo os documentos, a que a imprensa brasileira teve acesso, a jovem atriz acusou o intérprete de violência doméstica, abuso sexual e ameaças de morte.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG