Séries

Emilia Clarke e as cenas de nudez em Game of Thrones: "aterrorizantes"

Emilia Clarke e as cenas de nudez em Game of Thrones: "aterrorizantes"

A atriz britânica Emilia Clarke revelou durante uma entrevista que as cenas de nudez que gravou na série "Game of Thrones", em que representava a personagem Daenerys Targaryen, eram "aterrorizantes".

Convidada no podcast "Armchair Expert", do ator Dax Shepard, Emilia falou sobre o início das gravações da série da HBO, que estreou em 2011: "Aceitei o trabalho, enviaram-me os guiões e estava ler e pensei 'Ah, aí está!'", disse, referindo-se às cenas de nudez que teria de fazer.

A atriz de 33 anos, na altura com 23, confessou que chorava antes de gravar certas cenas de nudez, que eram "aterrorizantes".

"Tinha acabado de sair da escola de teatro e vi aquilo como um trabalho: se está no guião, é claramente necessário. É o que é, vou fazer com que tenha sentido e tudo vai correr bem", contou.

"Nunca tinha estado num estúdio de filmagens como aquele. Já tinha estado em estúdio duas vezes, mas agora estava completamente nua à frente de todas aquelas pessoas e não sabia o que devia fazer, não sabia o que era esperado de mim, não sabia o que queriam, nem o que eu queria".

"Independentemente de haver nudez ou não, eu teria passado a primeira temporada a pensar que não tinha o direito de exigir o quer que fosse. Não tinha o direito de precisar de alguma coisa", explicou a atriz.

Emilia lembrou também que o ator Jason Momoa ("Khal Drogo" na série) a protegia nessas situações menos confortáveis. Numa das cenas mais intensas da primeira temporada, a personagem de Jason viola "Daenerys" na noite de núpcias. "Ele estava a chorar mais do que eu", recordou a atriz.

"Só agora é que percebo a sorte que tive, porque podia ter acontecido de uma forma muito diferente. O Jason tinha experiência, era um ator experiente que já tinha feito imensas coisas antes disso, e ele dizia: 'Querida, é assim que deve ser, é assim que não deve ser, e vou ter a certeza de que esse é o olhar certo'. E estava sempre a dizer: 'Podem dar-lhe um maldito roupão? Ela está a tremer!' Era muito gentil, atencioso e importava-se comigo como ser humano".

Desde o fim da série, Emilia afirma que se tornou "muito mais experiente" em relação àquilo com que se sente confortável e com o nível de nudez que considera necessário para uma cena. "Já tive discussões em estúdio onde dizia 'não, os lençóis ficam para cima' e respondiam 'não queres desapontar os fãs de Game of Thrones'. Eu disse: 'Vão-se f**er'!"

Outras Notícias