Televisão

Estreias aquecem concorrência entre canais

Estreias aquecem concorrência entre canais

TVI lança esta segunda-feira novas manhãs e tardes. Na guerra das audiências, SIC aposta no chef Ljubomir e "Amor amor" para agarrar o público

Ainda só vamos no quarto dia do novo ano, mas a guerra das audiências continua acesa. A TVI quer recuperar a liderança depois de a SIC ter garantido o primeiro lugar nos últimos dois anos.

No segundo semestre de 2020, a estação de Queluz de Baixo recuperou terreno e terminou o ano a uma distância de 1,4 pontos percentuais do canal da Impresa, ganhando força para as mudanças que marcam o daytime já a partir desta segunda-feira, mesmo que 2021 tenha arrancado, a 1 e 2, com vitórias da SIC.

"Dois às 10" é a novidades das manhãs da TVI, com Maria Botelho Moniz e Cláudio Ramos aos comandos, à mesma hora que, na concorrência [nas estações privadas], Diana Chaves e João Baião se mantêm à frente de "Casa feliz". Antes, na SIC, o ator Miguel Costa debuta como repórter de exteriores de "Alô Portugal".

A tarde de segunda-feira também promete com a estreia de "Goucha" no quarto canal. Na primeira vez de Manuel Luís Goucha no horário vespertino, Daniel Oliveira, diretor de entretenimento da Impresa, contra-ataca com um convidado especial no programa de Júlia Pinheiro. De novo em direto, "Júlia" vai receber o chef Ljubomir, numa altura em que este já grava a versão portuguesa de "Hell"s Kitchen".

"Amor amor" é o grande trunfo da SIC para o horário, juntando um elenco de luxo numa história que promete pôr os portugueses a dançar ao ritmo das músicas escritas por Toy. A nova novela ainda dá mote a várias intervenções durante a emissão especial prevista para a jornada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG