Adele

Adele realiza sonho de fã doente

Adele realiza sonho de fã doente

Adele realizou o sonho de Rebecca Gibney, de 12 anos, que sofre de paralisia cerebral, epilepsia e cegueira, ao aparecer de surpresa na sua casa, na Irlanda do Norte.

Adele iniciou a sua digressão mundial, que vai durar nove meses e contará com mais de 100 datas, em Belfast, Irlanda do Norte. Nesta sua curta visita ao país, a cantora realizou o maior sonho de Rebecca Gibney, uma criança de 12 anos em estado terminal: ter a oportunidade de conhecê-la.

A artista britânica esteve, na terça-feira, em casa de Rebecca. "Sinto-me tão abençoada e agradecida por hoje ter tido a Adele na minha casa", escreveu Tracy, a mãe da criança, na legenda de duas fotografias que partilhou nas redes sociais, nas quais se pode ver a cantora junto à cama de Rebecca, "Estou em choque, realizei o sonho da minha bebé", acrescentou a progenitora à publicação "Belfast Live" pouco depois da visita. "Ela foi tão simpática - não podia ter sido mais simpática", continuou. "A Adele sentou-se na cama e falou connosco, foi tão querida para a Rebecca. Não consigo expressar o significado disto".

Uma surpresa que resultou de uma campanha levada a cabo, durante meses, por Tracy no Facebook, para encorajar a artista a visitar a filha. Adele tomou conhecimento, viu as fotografias de Rebecca, emocionou-se e através da sua agente contactou a mãe da criança que, no momento, estava no cabeleireiro. "A manager ligou-me e disse: 'Tracy é a manager da Adele. Estou a ligar-lhe porque a Adele viu as fotografias da Rebecca e ficou muito emocionada. Ela quer conhecer a sua filha'", explicou.

Rebecca, que tem paralisia cerebral, epilepsia e é cega, inspirou-se na música de Adele, durante a sua batalha, para se manter forte e com um sorriso na cara. Os médicos deram-lhe apenas seis meses de vida, em 2015, mas tem superado as expectativas.

Perante o nobre gesto da cantora, que ainda ofereceu bilhetes à família para o seu concerto, o vice-primeiro-ministro da Irlanda do Norte, Martin McGuinness, e o ex-presidente da Câmara de Belfast, Niall Ó Donnghaile, agradeceram a Adele no Twitter.