Polémica

Asia Argento nega ter tido relações sexuais com menor

Asia Argento nega ter tido relações sexuais com menor

Asia Argento negou as acusações de que teria tido relações sexuais com um jovem de 17 anos. O caso foi avançado pelo jornal norte-americano "The New York Times".

A atriz italiana falou pela primeira vez sobre a polémica em torno das acusações de agressão sexual a um menor, através de um comunicado enviado, esta terça-feira, a Yashar Ali, colaborador da revista "New Yorker" e do jornal "Huffington Post".

"Nego e oponho-me aos conteúdos publicados pelo 'New York Times' (...) Estou profundamente chocada e magoada por ter de ler notícias que são absolutamente falsas. Nunca tive qualquer relação sexual com Bennett", começou por esclarecer a profissional, de 42 anos.

A realizadora, que tornou-se uma das caras principais de "Me Too", um movimento de denúncia e combate a assédio sexual de mulheres, espoletado pelas denúncias contra o realizador Harvey Weinstein, garantiu que a amizade que mantinha com Jimmy Bennett, desde 2004, terminou assim que este lhe pediu uma "quantidade exorbitante de dinheiro".

No comunicado, Argento revelou ainda que foi Antonhy Bourdain, que morreu em junho passado, quem decidiu que era melhor emprestar o dinheiro e tratar do assunto rapidamente e de forma discreta, uma vez que Bennett era um homem "perigoso".

"Bennett conhecia o meu namorado, Anthony Bourdain, que era um homem visto como sendo rico e que tinha a sua própria reputação como figura pública amada a proteger (...) Anthony tratou pessoalmente de ajudar Bennett economicamente, sob condição de que não se intrometesse mais nas nossas vidas", afirmou, citada pelo jornalista.