Doença

Atriz Selma Blair faz revelação: "Tenho esclerose múltipla"

Atriz Selma Blair faz revelação: "Tenho esclerose múltipla"

Selma Blair revelou no Instagram que lhe foi diagnosticada recentemente esclerose múltipla. "Estou imersa nisto, mas espero dar alguma esperança aos outros. E até a mim mesma."

"Estava a fazer uma prova de guarda-roupa há dois dias. A brilhante costureira Allisa Swanson não só desenha as peças que vou usar numa nova série da Netflix, como me veste as calças, as camisolas, abotoa os meus casacos e oferece os ombros para eu me apoiar. Tenho esclerose múltipla."

É desta forma abrupta, inesperada e comovente que a atriz Selma Blair, de 46 anos, revela ao mundo a doença que lhe foi diagnosticada "às 22 horas do dia 16 de agosto". Mas o "post" que fez no Instagram não é de autocomiseração - como provam estas primeiras frases -, mas sim de agradecimento para com todos os que a têm acompanhado.

"Graças ao Senhor e à compreensão dos produtores da Netflix, tenho um emprego. Um emprego maravilhoso. Tenho uma incapacidade. Por vezes caio. Deixo cair coisas. A minha memória está desvanecida. E o meu lado esquerdo pede direções. Mas estamos a conseguir [fazer a série]. E eu rio-me e não sei exatamente o que vou fazer, mas dou o meu melhor", assegura a atriz, referindo-se ao drama de ficção científica "Another Life", no qual tem estado a trabalhar.

A sua mensagem continua, focando-se na importância de pedir ajuda. "Estou imersa nisto, mas espero dar alguma esperança aos outros. E até a mim mesma. Não recebes ajuda a não ser que a peças. Pode ser esmagador ao início. Mas sou uma pessoa ativa e quero que a minha vida seja preenchida. Quero brincar com o meu filho novamente. Quero caminhar pela rua e andar de cavalo. Tenho esclerose múltipla e estou bem. Mas se me virem a deixar cair coisas no meio da rua, sintam-se livres para me ajudarem a apanhá-las."

Em jeito de conclusão, Selma Blair revela ainda, embora de forma leviana, que "provavelmente" sofre desta "doença incurável há pelo menos 15 anos". "Tenho sintomas há anos, mas nunca os levei a sério até cair e dar por mim a lidar com o que eu pensava ser um nervo comprimido. Sinto-me aliviada de agora saber o que é. E de partilhar."

ver mais vídeos