Reino Unido

J. K. Rowling processa ex-assistente por roubo e gasto de dinheiro

J. K. Rowling processa ex-assistente por roubo e gasto de dinheiro

J. K. Rowling avançou com um processo judicial contra a sua ex-assistente, que terá gastado cerca de 24 mil libras da sua conta, sem autorização, em brinquedos de Harry Potter, lojas de cosméticos e muito mais.

Amanda Donaldson foi a assistente pessoal de J. K. Rowling entre fevereiro de 2014 e abril de 2017. Durante esse período, terá gastado, de forma descontrolada e sem autorização, milhares de libras que pertenciam à autora da saga literária "Harry Potter". O resultado? Terá de enfrentar a justiça.

A BBC confirma que Rowling avançou com um processo judicial contra a sua ex-assistente, acusando-a de gastar cerca de 24 mil libras (27,5 mil euros) em consumo no Starbucks, lojas de cosméticos e até na compra de dois gatos. Terá ainda adquirido uma grande variedade de "merchandising" de "Harry Potter" - como por exemplo um Hogwarts Express motorizado - e roubado dinheiro estrangeiro de um cofre.

Enquanto trabalhava para a escritora de 53 anos, Donaldson tinha de apresentar, uma vez por mês, declarações e recibos de tudo o que adquiria. Contudo, no início do ano passado foram identificadas estas alegadas despesas injustificadas, levando ao seu despedimento.

Entretanto, a ex-assistente de 35 anos já negou todas as acusações, defendendo ainda que J. K. Rowling "não sofreu qualquer perda e não tem direito a indemnização" da sua parte. O caso será ouvido em tribunal no final deste ano.

ver mais vídeos