Moda

David Catalán: o criador de moda espanhol que se sente tripeiro

David Catalán: o criador de moda espanhol que se sente tripeiro

Estreia esta segunda-feira no calendário oficial de Milão com coleção de verão e numa slot para novos talentos.

Duas horas depois da confirmação de Miguel Vieira no calendário oficial e imediatamente antes da Giorgio Armani, David Catalán sobe, esta segunda-feira à tarde, à cena na Milano Moda Uomo. Em Milão, Itália, o designer espanhol que escolheu o Porto para crescer profissionalmente mostrará a coleção para o verão 2020 numa slot dedicada a novos talentos.

"É sempre bom receber feedback quando trabalhamos com tanto afinco, mas, ter uma notícia deste calibre significa acarretar com uma grande carga de responsabilidade", confessou, em conversa ao JN e já a todo o gás para o desfile.

Na passarela, poder-se-á "ver uma coleção com uma atitude "grunge"", antecipa o criador. "Vamos continuar a apostar num look muito desportivo, mas trabalhando, como temos feito, peças mais clássicas. Surgem algumas referências à cultura do motociclismo, através da ganga e dos cortes e cores gráficas", refere.

Formado em design de interiores em Espanha, David imigrou para Portugal onde se licenciou em design de moda e vestuário na Escola Superior de Artes e Design de Matosinhos, acabando por ficar pelo Porto.

"Apostei sete anos aqui e, sem querer fechar-me ao futuro, continuarei a navegar pelo mundo da moda, mas regressarei sempre a este Porto", confidencia, num "portunhol" que embrulha com algumas expressões tripeiras.

E a influência nortenha também se nota nas suas criações. "É inegável que tenho alguns traços do design espanhol, mas terminando a minha licenciatura em Portugal, obviamente que absorvi certas características do design português, que hoje faz parte do meu trabalho", sublinha David Catalán, de 29 anos.

"Continuar a apostar na internacionalização" é a aposta que soma mais uma vitória, agora ao mais alto nível e de novo pela mão do Portugal Fashion, até porque "o bom trabalho faz-se em equipa".