Partilha

Mariza sente-se culpada por estar longe do filho

Mariza sente-se culpada por estar longe do filho

Fadista lamenta dar mais atenção aos outros do que a Martim, de sete anos, num desabafo deixado no Instagram.

Com uma carreira de sucesso em Portugal e pelo Mundo fora, Mariza não esconde o quanto lhe custa estar longe do filho, Martim, por causa do trabalho. E, num rebate de consciência, escreveu uma carta ao menino, de sete anos, que publicou nas redes sociais. Comparou-o à personagem de banda desenhada Tom Sawyer e lamentou "mais uma viagem".

De partida para a República Checa, a fadista reconheceu quanto é difícil a separação. "A saudade aperta, de ver os teus caracóis em reboliço, as tuas perninhas sempre com nódoas negras de tanta brincadeira e futebol, das tuas gargalhadas e da pressa em me contares como correu o teu dia", confessou.

Mariza assumiu-se "culpada sim, por dar por vezes mais atenção aos outros do que te dou a ti, por estar tantas vezes longe" a fazer o que gosta, ou seja, cantar.

"Mas o meu coração é teu, e penso em ti o dia todo. O meu mundo gira à tua volta", declarou, acrescentando que o petiz é o seu "Tom Sawyer".

"O meu super-herói preferido. Que seria do meu mundo sem ti. Eu sei que a vida tem pressa e que o tempo não pára. Mas o nosso amor.... Esse é para a eternidade", concluiu, num testemunho de amor incondicional. v