Advogados

Pai de Britney Spears recua e aceita transição para "novo tutor"

Pai de Britney Spears recua e aceita transição para "novo tutor"

O pai da cantora americana Britney Spears aceitou deixar de ser tutor da filha, ao fim de 13 anos, segundo avança o "The Guardian", e pretende colaborar na transição "ordeira" para uma nova tutoria.

Documentos entregues esta quinta-feira no Tribunal Superior de Justiça de Los Angeles dão conta de que Jamie Spears concordou em deixar o seu papel de tutor, que durava desde 2008, e em colaborar na transição para uma nova tutoria.

"O Sr. Spears pretende trabalhar com o tribunal e o novo advogado da filha para se preparar para uma transição ordeira para um novo tutor", avançam os advogados, questionando, ainda assim, que esta mudança seja a mais benéfica para os interesses de Britney.

"Na verdade, não há motivos reais para destituir o Sr. Spears", acrescentam, lamentando que o seu cliente seja "o alvo incessante de ataques injustificados".

Ainda assim, explicam que o pai da cantora "não quer travar uma batalha pública com a filha", o que terá estado na origem da decisão.

De recordar que a tutoria dura desde 2008, colocando nas mãos de Jamie Spears o controlo de todo o património financeiro e de vários aspetos da vida pessoal da filha.

PUB

Em fevereiro, a vida de Britney Spears, de 39 anos, voltou à esfera pública com o lançamento do documentário "Framing Britney Spears", focado na trajetória da cantora americana, incluindo os momentos de maior popularidade e os acontecimentos que levaram a que a sua vida passasse a ser controlada pelo pai.

Em julho, Britney garantiu que não voltará a atuar enquanto o pai mantiver o controlo da sua carreira. A artista não pode dispor livremente do seu dinheiro nem assinar qualquer documento sem autorização prévia. Além disso, não pode casar nem engravidar, uma vez que não tem autorização para retirar o DIU que usa.

Recentemente, a cantora anunciou ter um novo advogado para continuar a tentar acabar com o acordo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG