BE

BE diz que estimativa de défice é "mais um prego no caixão" do Governo

BE diz que estimativa de défice é "mais um prego no caixão" do Governo

O Bloco de Esquerda considerou, esta sexta-feiram que a estimativa do Instituto Nacional de Estatística de que o défice atingiu os 6,8% no primeiro semestre do ano "é mais um prego no caixão" do Governo.

A posição foi transmitida pelo deputado do Bloco de Esquerda Pedro Filipe Soares, na sequência da divulgação dos dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) sobre o défice orçamental nos primeiros seis meses do ano, em contabilidade nacional, indicando um valor correspondente a 5.597 milhões de euros.

"Estes dados do INE são mais um prego no caixão deste Governo, demonstrando que o buraco [orçamental] é muito maior do que o previsto e que a derrapagem não está controlada pelo Governo. Na prática, a meta proposta pelo Governo [de défice] é inalcançável, a não ser com medidas extraordinárias", disse.

Segundo o dirigente do Bloco de Esquerda, a partir de agora, "são de esperar mais cortes nos salários, nos subsídios e a incompreensão de que é a política de austeridade que está a minar as contas públicas".

"A cada novo dado do INE, o Governo mostra um novo falhanço deste Governo. Esperamos que a resposta na rua seja forte para demonstrar a este Governo que está a mais no país e que a sua política é parte do problema e não parte da solução", acrescentou.