Finlândia

Cavaco diz que há "forte esperança" de terceira avaliação "positiva" da 'troika'

Cavaco diz que há "forte esperança" de terceira avaliação "positiva" da 'troika'

O presidente da República, Cavaco Silva, afirmou, esta quinta-feira, que "há uma forte esperança" das autoridades portuguesas de que a terceira avaliação da "troika' ao programa de assistência financeira "será também positiva".

Cavaco Silva reiterou ainda que explicará aos Chefes de Estado do chamado "grupo de Arraiolos", que reúne na sexta-feira e sábado em Helsínquia, o cumprimento na "íntegra" dos compromissos por Portugal.

"O acordo começou a ser implementado em Maio, portanto, temos mais de seis meses de execução do memorando de entendimento, já ocorreram duas avaliações por parte das entidades internacionais e todas elas foram positivas, vai ocorrer uma terceira e há uma forte esperança junto das autoridades portuguesas de que esta terceira avaliação será também positiva", afirmou Cavaco Silva.

O Presidente falava aos jornalistas durante uma visita à empresa Nokia-Siemens, nos arredores de Helsínquia, onde sublinhou a importância de "que na Finlândia se conheça a forma positiva como Portugal está a dar resposta às exigências que foram colocadas para ultrapassar as dificuldades que são de todos conhecidas".

Assim, esta mensagem está a ser transmitida pelo Presidente nos encontros bilaterais que está a desenvolver hoje, nomeadamente em empresas de tecnologias, mas também, e sobretudo, será veiculada no encontro com os chefes de Estado sem poderes executivos da União Europeia que se reúnem na sexta-feira e no sábado.

"Recordo-me perfeitamente que no ano passado na reunião do grupo de Arraiolos que teve lugar em Budapeste os outros chefes de Estado me pediram que explicasse a situação portuguesa, na medida em que se tinha precisamente começado naquela altura os contactos com as entidades internacionais", afirmou.

Agora, insistiu o Presidente, há "um resultado para apresentar".

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG