O Jogo ao Vivo

Política

Cavaco exonerou consultores que assinaram "manifesto dos 70"

Cavaco exonerou consultores que assinaram "manifesto dos 70"

Cavaco Silva exonerou dos seus cargos de consultores da Presidência da República o ex-ministro da Agricultura Sevinate Pinto e o antigo secretário de Estado Vítor Martins, a pedido dos próprios. Segundo fonte oficial de Belém, os dois subscritores do manifesto que apela à reestruturação da dívida pública não deram conhecimento prévio do documento ao presidente da República nem ao chefe da Casa Civil.

Fonte de Belém confirmou, assim, a notícia avançada no site do semanário "Expresso" sobre a exoneração dos dois consultores do chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, que tinham assinado o "manifesto dos 70", que defende a reestruturação da dívida portuguesa.

O antigo ministro da Agricultura Sevinate Pinto desempenhava o cargo de consultor para a Agricultura e Vítor Martins, que foi secretário de Estado dos Assuntos Europeus num dos Governo e Cavaco Silva, era consultor para os Assuntos Europeus.

Manuela Ferreira Leite, Bagão Félix, Francisco Louçã e Carvalho da Silva são algumas das 70 personalidades que assinaram um manifesto a apelar à reestruturação da dívida pública, que é uma posição contrária à defendida por Cavaco Silva.

O presidente da República afirmou, em outubro de 2013, que a dívida pública era sustentável e falar na sua reestruturação seria um ato de "masoquismo". A mesma ideia foi reiterada, esta quarta-feira, pelo primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, que citou o chefe de Estado para voltar a criticar duramente o apelo deste manifesto.

*Com Agência Lusa

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG