PS

Ferro Rodrigues diz que PSD e CDS estão enganados se pensam atrelar o PS

Ferro Rodrigues diz que PSD e CDS estão enganados se pensam atrelar o PS

O líder parlamentar do PS, Ferro Rodrigues, recusou, esta sexta-feira, qualquer corresponsabilização pela atual situação do país, advertindo as bancadas da maioria PSD/CDS que os socialistas nunca aceitarão ser "atrelados" às políticas de austeridade.

Ferro Rodrigues falava na sua primeira intervenção como presidente do Grupo Parlamentar do PS, durante o debate quinzenal com o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, na Assembleia da República.

O líder da bancada socialista começou por reagir à intervenção anterior do presidente do Grupo Parlamentar do PSD, Luís Montenegro, que antes corresponsabilizara o candidato do PS a primeiro-ministro, António Costa, pela assinatura do memorando da "troika" em maio de 2011, associando o presidente da Câmara de Lisboa ao ex-chefe do executivo José Sócrates.

"Estão muito enganados se pensam que vão atrelar o PS", declarou Ferro Rodrigues.

Perante as críticas do PSD às mais recentes posições de António Costa, o líder da bancada socialista usou a ironia para dizer que não demorará muito tempo até que o presidente da Câmara de Lisboa se sente no lugar de Pedro Passos Coelho num debate quinzenal na Assembleia da República.

"Se o primeiro-ministro o desafiar para um debate na televisão, estou certo que António Costa aceitará imediatamente", disse.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG