IRS

Gaspar diz que redução dos escalões de IRS aumenta progressividade do imposto

Gaspar diz que redução dos escalões de IRS aumenta progressividade do imposto

O ministro das Finanças, Vítor Gaspar, garantiu, esta quarta-feira, que o IRS será mais progressivo em 2013 que foi em 2012, porque nas suas contas a taxa média efetiva a pagar aumentará mais para os rendimentos mais elevados.

"A taxa média efetiva aumenta mais para os rendimentos mais elevados. Isto significa que o IRS é mais progressivo que em 2012", afirmou o governante.

Vítor Gaspar, que falava na sua intervenção inicial numa audição na comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Administração Pública, respondia assim aos críticos que têm colocado em causa a constitucionalidade das mudanças nos escalões de IRS por colocarem em causa o princípio da progressividade.

PUB

O ministro apresenta aos deputados a proposta de Orçamento do Estado para 2013, entregue ao Parlamento no dia 15 de outubro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG