Irlanda

Gaspar refere desemprego como o "problema mais grave" em Portugal

Gaspar refere desemprego como o "problema mais grave" em Portugal

O ministro das Finanças, Vítor Gaspar, afirmou, esta quinta-feira, em Dublin, na Irlanda, que o desemprego é o "problema mais grave" em Portugal.

Vítor Gaspar, que explicou o programa de ajustamento português na universidade Trinity College Dublin, reconheceu que, em Portugal, "do lado macroeconómico nem tudo está bem", destacando a quebra da atividade económica e o aumento do desemprego.

"O desemprego é o problema mais grave no meu país", afirmou o ministro das Finanças, salientando o número de desempregados de longa duração, bem como a taxa de desemprego entre os jovens, que é de cerca de 40%.

"A atividade económica baixou mais do que as estimativas do programa [de ajustamento] original e o desemprego aumentou", disse Vítor Gaspar.

Em fevereiro de 2013, a taxa de desemprego em Portugal situou-se nos 17,5%, a terceira taxa mais alta na União Europeia, segundo dados do Eurostat. O Governo prevê que a taxa de desemprego atinja os 18,2% este ano e uma recessão de 2,3%.

Vítor Gaspar está em Dublin para participar nas reuniões informais do Eurogrupo (ministros das Finanças da zona euro) e Ecofin (ministros das Finanças da União Europeia), que decorrerão na sexta-feira e no sábado, durante as quais será discutido o pedido de extensão dos prazos de maturidade dos empréstimos português e irlandês.