Política

Miguel Macedo ouve "Grândola" à distância em Espinho

Miguel Macedo ouve "Grândola" à distância em Espinho

Populares de Espinho entoaram este domingo alguns trechos da música "Grândola, Vila Morena" ao ministro da Administração Interna, mas a 50 metros de distância do governante por a estrada estar cortada à circulação.

Miguel Macedo encontrava-se no quartel dos bombeiros voluntários espinhenses para assinar o protocolo, que vai criar o agrupamento entre aquela corporação e os bombeiros voluntários de Espinho.

A circulação na rua 16 foi cortada à circulação pedonal, assim como na rua 15 e na 19, pelo que os populares apenas se podiam fazer ouvir nas pausas que a banda dos bombeiros fazia.

Um cidadão destacou-se entre os populares que se deslocaram ao local, ao começar a entoar a canção composta por Zeca Afonso. O homem foi depois acompanhado pelos restantes na música, que tem sido ouvida nas deslocações de vários ministros por todo o país.

Outras palavras fizeram-se ouvir entre os manifestantes como "gatuno" e "ele nem cá vem abaixo com medo de nós".