Política

Morreu o embaixador António Pinto da França

Morreu o embaixador António Pinto da França

O embaixador António Pinto da França, 77 anos, que representou Portugal em diversos países e concluiu a carreira diplomática no Vaticano, faleceu esta terça-feira em Lisboa.

O embaixador iniciou a carreira diplomática em Jacarta como Encarregado de Negócios (1965-1970), antes de ser colocado na embaixada da delegação portuguesa junto do Conselho da NATO, em Bruxelas (1970-1974).

Enviado especial do ministro dos Negócios Estrangeiros para negociar a libertação dos militares portugueses ainda detidos em Timor, Pinto da França exerceu pela primeira vez funções de embaixador na Guiné-Bissau, entre 1977 e 1979.

Na sua intensa atividade diplomática regista-se ainda o cargo de embaixador em Luanda (1983-88), tendo depois chefiado as representações diplomáticas de Portugal na Alemanha e Santa Sé.

Autor de diversas obras onde descreve com particular detalhe a sua experiência profissional e o contacto com outras culturas, foi agraciado com diversas condecorações oficiais, incluindo a Grã-Cruz da Ordem de Cristo e a Grã-Cruz da Ordem de Mérito.

Natural de Matosinhos e proprietário de uma quinta nos arredores de tomar, António Pinto da França não conseguiu recuperar de uma grave queda registada há um mês.

O corpo encontra-se em câmara ardente na Basílica da Estrela, em Lisboa, e o funeral realiza-se ao início da tarde de quarta-feira.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG