XIX Congresso do PCP

Oito operários entre os 24 novos membros do Comité Central

Oito operários entre os 24 novos membros do Comité Central

A proposta de nova constituição do Comité Central do PCP, a discutir no XIX congresso do partido, que esta sexta-feira de manhã arrancou em Almada, inclui oito operários, entre os quais um membro da Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa, mantendo assim a tradição de maioria de operários e empregados no órgão máximo entre congressos.

O Comité Central (CC) passa a integrar 150 membros, uma ligeira redução em relação ao atual, 98 dos quais operários ou empregados. Saem 30 dirigentes, entre os quais o "histórico" Domingos Abrantes, que integra o órgão há 49 anos, e entram 24, predominantemente jovens.

Entre os novos membros, figura João Oliveira, deputado à Assembleia da República, e os eurodeputados João Ferreira e inês Zuber, que recententemente substituiu Ilda Figueiredo no Parlamento Europeu. O CC conserva uma larga maioria de funcionários do partido (93), a que se juntam três da JCP. A média etária mantém-se estável: 47,6 anos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG