Política

PCP vai apresentar moção de censura ao governo

PCP vai apresentar moção de censura ao governo

Jerónimo de Sousa anunciou, este domingo, que o PCP vai apresentar uma moção de censura ao governo.

"O PCP anuncia hoje a decisão de apresentar moção de censura ao Governo", assumiu Jerónimo de Sousa, no centro de trabalho Vitória, em Lisboa, adiantando terem sido consultados os restantes parceiros da Coligação Democrática Unitária - "Os Verdes" e Associação Intervenção Democrática - e que a mesma será formalizada já na próxima semana.

Segundo o líder comunista, "a mais baixa votação de sempre destes partidos (PSD e CDS-PP) foi uma clara censura do povo português", não deixando, na sua opinião, qualquer "mão protetora de Cavaco Silva, por maior que seja a sua cumplicidade", uma "outra decisão que não a convocação de eleições antecipadas".

"Inevitavelmente, a censura é ao Governo e à sua política. Se o PS tiver algum problema em identificar-se com essa política... Identificou-se com memorando da 'troika', com o Tratado Orçamental, mas não é uma moção contra o PS, é contra o Governo e a política de direita", continuou, sublinhando que a maioria governamental já não tem "base social e política de apoio nem eleitoral".

Para Jerónimo de Sousa, "todos (os partidos da oposição) deviam" votar favoravelmente a moção de censura "com a consciência de que" se está a condenar a "política de direita".