Política

PSD diz trajetória dos últimos anos está a "produzir resultados"

PSD diz trajetória dos últimos anos está a "produzir resultados"

O PSD disse esta quarta-feira que a trajetória económica dos últimos três anos "está a produzir resultados", salientando os números do Banco de Portugal que apontam para uma revisão em alta do crescimento económico do país.

"Queria deixar aqui uma mensagem de esperança aos portugueses. Com esta mensagem de uma entidade credível como o Banco de Portugal o que se pode concluir é que se tínhamos uma tarefa muito difícil pela frente, essa tarefa parece estar a ser vencida aos poucos", disse o deputado social-democrata Miguel Frasquilho em declarações aos jornalistas no parlamento.

O deputado falava no dia em que o Banco de Portugal reviu em alta as previsões para a economia portuguesa, antecipando que cresça 1,2% este ano, tal como a estimativa do Governo, e que aumente 1,4% em 2015.

"O cenário é revisto em alta no que toca ao crescimento da economia, com perspetivas melhoradas também no mercado de trabalho, ou seja, o crescimento sustentado do emprego e uma dedução do desemprego é o que se consegue deduzir da análise do Banco de Portugal, apesar de não haver projeções para essa área", sublinhou Miguel Frasquilho.

O banco central alinhou a sua previsão para 2014 com as estimativas do Governo e da 'troika' (Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu), melhorando a sua previsão dos 0,8% (estimados em dezembro) para os 1,2% este ano.

Para 2015, a instituição liderada por Carlos Costa antecipa que a economia portuguesa cresça 1,4%, e não os 1,3% estimados em dezembro, e para 2016, o banco central estima um crescimento de 1,7%.

Estas previsões indicam que, no período entre 2014 e 2016, a economia portuguesa volte a apresentar um ritmo de crescimento próximo do projetado para a área do euro, uma evolução suportada pela aceleração da procura interna privada e pela manutenção de um crescimento das exportações.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG