Orçamento de Estado

PSD e CDS-PP vão ter jornadas parlamentares conjuntas

PSD e CDS-PP vão ter jornadas parlamentares conjuntas

PSD e CDS-PP decidiram realizar as primeiras jornadas parlamentares conjuntas, nos dias 27 e 28 de outubro, em Lisboa, com a participação de membros do Governo, para debater a proposta de Orçamento do Estado para 2013.

Por outro lado, no que respeita às eleições autárquicas do próximo ano, PSD e CDS-PP decidiram assinar, até 15 de outubro, um protocolo para enquadrar os acordos de coligação que venham a ser celebrados localmente entre os dois partidos.

Estas decisões foram tomadas na primeira reunião do Conselho de Coordenação da Coligação, órgão constituído com a missão de "melhorar, no plano partidário, os níveis de articulação entre as direções dos partidos, os grupos parlamentares e o Governo", e anunciadas através de um comunicado.

Segundo esse comunicado, o primeiro vice-presidente e coordenador da Comissão Permanente do PSD, Jorge Moreira da Silva, chefiou a delegação social-democrata, composta também pelo secretário-geral José Matos Rosa, o líder parlamentar Luís Montenegro e o vice-presidente do partido e Pedro Pinto.

A delegação do CDS-PP foi chefiada pelo primeiro vice-presidente do partido, Nuno Melo, e incluiu o secretário-geral, António Carlos Monteiro, o líder parlamentar, Nuno Magalhães, e o coordenador autárquico dos centristas, Domingos Doutel.

"Nesta primeira reunião foi discutida a situação política nacional, tendo sido decidida, sob proposta dos dois líderes parlamentares, a realização das primeiras Jornadas Parlamentares conjuntas, no fim de semana de 27 e 28 de outubro, em Lisboa, que contarão com a presença de vários membros do Governo, com o objetivo de debater a proposta de Orçamento do Estado para 2013", lê-se no comunicado emitido pelo Conselho de Coordenação da Coligação.

A proposta do Governo de Orçamento do Estado para 2013 deverá ser entregue no Parlamento até 15 de outubro, seguindo-se o debate na especialidade, em que todos os partidos podem apresentar propostas de alteração.

PUB

O mesmo comunicado adianta que "foi ainda analisada a estratégia autárquica do PSD e do CDS, tendo sido decidido que, até 15 de outubro, será assinado o protocolo destinado a enquadrar os acordos de coligação que venham a ser celebrados, a nível local, entre os dois partidos".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG